Conheça 5 tradicionais doces portugueses

doces portugueses

Conheça 5 tradicionais doces portugueses

Conheça 5 tradicionais doces portugueses

Os doces portugueses estão diretamente associados à tradição e história. Ao longo dos séculos, muitos doces foram inventados por freiras em conventos ou pelos monges. Desde o século XV, as mulheres que eram impostas a ir aos Conventos tinham como passatempo inventar receitas, que foram aperfeiçoadas ao longo dos anos.

Diz a história que entre os séculos XVIII e XIX, Portugal era um dos maiores produtores de ovos de toda a europa e as claras tinham um importante papel na produção do vinho branco. Além disso, as claras eram exportadas e utilizadas para engomar roupas da alta sociedade européia. Nesta equação, as gemas que restavam eram jogadas fora ou serviam para alimentar os animais. Com a chegada do açúcar em larga produzido pelas colônias deram um novo rumo aos doces portugueses. Incrível, não?

Conheça a história por trás dos tradicionais doces portugueses.

1 – Pastel de Nata

No Brasil, é comum chamarmos o Pastel de Nata como Pastel de Belém. Na verdade, o Pastel de Belém não deixa de ser um Pastel de Nata porque os dois são originais. Pode parecer confuso, mas a história é esta: o doce nasceu no Mosteiro dos Jerónimos, em Belém, no século XIX. A receita foi levada à confeitaria próxima ao Mosteiro e por lá você encontra os famosos Pastéis de Belém. No entanto, não demorou muito para que outras confeitarias, padarias e restaurantes encontrassem a sua própria receita e foi aí que o Pastel de Nata se tornou famoso por todo o país. Vale a pena experimentar o Pastel de Nata ou o de Belém? Os dois! O mais importante é procurar um local que faça uma quantidade alta do doce para que as chances de eles estarem fresquinhos sejam maiores.

2 – Ovos Moles de Aveiro

Tradicional das confeitarias da cidade de Aveiro, o método de produção original era feito por freiras de diferentes conventos da região. As claras serviam para engomar os seus hábitos e as claras deram origem a este delicioso doce, típico desta região.

3 – Biscoito da Teixeira

Este biscoito de cor escura é produzido em forno à lenha, de forma artesanal e tem sabor intenso e peculiar. Muito comum no norte do país, ele também pode ser encontrado por confeitarias e padarias por todo o país, romarias e festividades tradicionais.

4 – Torta de Azeitão

A vila de Azeitão está localizada do outro lado do Tejo para quem vem de Lisboa. Azeitão é conhecido por sua produção de vinho e claro, por este típico doce português também. O doce lembra um peculiar rocambole brasileiro, porém, a estrela da receita são os ovos, claro!

5 – Travesseiro e Queijadas de Sintra

O famoso Travesseiro de Sintra é uma iguaria encontrada na cidade de Sintra, uma cidade turística de serra, próximo à Lisboa. Feito de massa folhada bem crocante, ovos moles e amêndoas, este doce agrada os paladares mais exigentes e até mesmo de quem não é fã de doces. Já as queijadas são de origem medieval e Sintra, por ter excelentes pastagens e muito queijo fresco, aproveitou-se desta condição para produzir mais esta saborosa receita.

Ficou com vontade de experimentar todos estes tradicionais doces portugueses? Conte com a Brasileiros Tours para preparar o seu roteiro e não perca a oportunidade de conhecer todas estas iguarias!

No Comments

Post A Comment

Entre em Contato e Solicite Sua Cotação