Ovos moles de Aveiro

Ovos moles de Aveiro

Quem passa perto de Aveiro, para além de poder apreciar uma localidade ímpar (há quem lhe chame a Veneza portuguesa) pelo facto de a cidade se espalhar em redor dos braços de água de uma enorme ria, tem de obrigatoriamente provar os Ovos moles de Aveiro, um doce típico da cidade desta cidade e também de portugal.

Como quase todos os doces confecionados à base de ovo, este doce regional, tradicional da pastelaria aveirense, tem na sua origem as freiras dos vários conventos existentes na região até ao século XIX, nomeadamente dominicanas, franciscanas e carmelitas.

As religiosas utilizavam a clara de ovo para engomar os hábitos, enquanto que as gemas, (quase um subproduto) eram usadas para a feitura dos doces. Extintos os conventos, o fabrico dos ovos moles manteve-se.

A «massa de doce de ovos» é tradicionalmente comercializada em barricas de madeira pintadas exteriormente com barcos moliceiros e outros motivos da Ria de Aveiro. Também se apresenta em tacinhas de cerâmica e ainda envolvida em hóstia (massa especial de farinha de trigo), moldada em formas marinhas, como amêijoas, peixes, conchas e búzios, que podem ser passados por uma calda de açúcar para os tornar opacos e dar mais consistência.

A massa do doce de ovos usada, embora consistente, é muito cremosa e obtida exclusivamente através de açúcar em ponto e gemas de ovos muito frescos.

Ingredientes para 4 pessoas:Confecção:
  • 500 g de açúcar
  • 30 gemas de ovos
  • 300 ml de água
  • Levar o açúcar ao fogo 300 ml de água.
  • Deixar ferver, sem mexer, por mais ou menos 15 minutos (contar o tempo assim que começar a ferver), até dar ponto de cabelo (ponto de cabelo é quando escorrem fios finos e estaladiços da colher).
  • Tirar do fogo e deixar esfriar.
  • Separar as gemas das claras e rebentar as gemas com uma faca, NÃO SE DEVE BATER.
  • Juntar as gemas na calda de açúcar.
  • Levar ao fogo até obter a consistência desejada.
  • Não se deve mexer em círculos, mas sim em movimento de vai-e-vem e de um lado para o outro.
  • Se desejar, no final pode-se juntar um pouco de canela.
No Comments

Sorry, the comment form is closed at this time.

Entre em Contato e Solicite Sua Cotação